O Tricolor

A Biota Aquática da baía de Todos os Santos e costa Atlântica de Salvador, Bahia

O Tricolor (Holacanthus tricolor)

  • Classe: Actinopterigyii
  • Ordem: Perciformes
  • Família: Pomacanthidae
Tricolor (Holacanthus tricolor) adulto (Foto: Rodrigo Maia-Nogueira)

DESCRIÇÃO

O corpo do tricolor que pode atingir até 40 cm de comprimento é alto e comprimido lateralmente apresentando um colorido de fundo amarelo vivo com uma enorme mancha negra que toma quase toda a lateral do corpo. Nos jovens a mancha negra é quase imperceptível nos menores exemplares e que ainda apresentam um anel azul cintilante em cada lado do corpo, e a medida que estes vão crescendo a mancha vai aumentando are cobrir quase a lateral do corpo toda e sumir o anel azul. Todas as nadadeiras são amarelas, porém as margens das nadadeiras dorsal e anal são vermelhas com um contorno azul cintilante.

A boca do Tricolor adulto é escura, quase negra, porém é amarela nos jovens.

Tricolor (Holacanthus tricolor) jovem, notar vestígios do anel azul cintilante no meio da mancha negra (Foto: Rodrigo Maia-Nogueira)

BIOLOGIA

O Tricolor é um peixe comum em recifes de coral, podendo ser observados desde em águas rasas a até 92 m de profundidade. Os jovens ainda pequenos costuma se associar a colônias de Coral-de-fogo (Millepora spp.)

O tricolor se alimenta de ascídias (Tunicados), esponjas, zoantideos, corais e algas.

Dupla de Tricolors (Holacanthus tricolor) adultos no naufrágio do Ho-Mei No.III (Foto: Rodrigo Maia-Nogueira)

São peixes curiosos, porém tímidos, ficam de longe observando os mergulhadores porém fogem e se escondem entre as rochas ou nas fendas dos recifes ao menor sinal de aproximação.

Tricolor (Holacanthus tricolor) adulto nos Cascos (Foto: Rodrigo Maia-Nogueira)

DISTRIBUIÇÃO

O Tricolor é um peixe do Oceano Atlântico Ocidental ocorrendo desde a costa da Georgia nos Estados Unidos até a costa de Santa Catarina no Brasil.

Tricolor (Holacanthus tricolor) adulto na Falha do Cretino (Foto: Rodrigo Maia-Nogueira)

Nos pontos de mergulho de Salvador e da baía de Todos os Santos o Tricolor era muito comum no naufrágio do Cavo Arthemide, atualmente ele pode ser observado comais facilidade em pontos profundos com o naufrágio do Ho-Mei No.III, a Pedra do Bomba, a Falha do Cretino, e nos Cascos, porém com menor frequência ele também pode ser observado no Quebra-mar Norte, no Porto da Barra, no Banco da Panela, nos naufrágios do Germânia e do Bretagne e no naufrágio do Blackadder.

Tricolor (Holacanthus tricolor) adulto (Foto: Rodrigo Maia-Nogueira)

STATUS DE CONSERVAÇÃO

O Tricolor não se encontra em nenhuma lista de espécies ameaçadas, a IUCN considera a sua população estável.

O Tricolor, em especial os espécimes jovens sofrem com a captura para o mercado de ornamentais.

Tricolor (Holacanthus tricolor) adulto (Foto: Rodrigo Maia-Nogueira)
Please follow and like us:

Autor(es)

+ Artigos

Mergulhador e apaixonado pelos oceanos desde a infância.
Desde a década de 1990 está envolvido em ações e pesquisas relacionadas com a biota aquática, tendo sido coordenador de resgate do Centro de Resgate de Mamíferos Aquáticos (CRMA) do Instituto Mamíferos Aquáticos (IMA) e fundador do Centro de Pesquisa e Conservação dos Ecossistemas Aquáticos (Biota Aquática) e do EcoBioGeo Meio Ambiente & Mergulho Científico, e ao longo dos anos participou de projetos de pesquisa e de consultoria na ambiental em parceria com diversas instituições.
Também atua como instrutor de mergulho SDI e PADI.
Tem como objetivo, além de produzir informação de qualidade fomentar o reconhecimento e a qualificação dos mergulhadores científicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.